PRESENÇA NOS MEDIA

 Cristalmax – Ind. Vidros, S.A. anuncia candidatura aos fundos PT2030 com o  da Capitalizar

A Cristalmax, empresa com atividade na indústria do vidro, anuncia em comunicado a renovação da política de investimento produtivo através da candidatura à nova linha do Sistema de Incentivos à Competitividade Empresarial na tipologia de Inovação Produtiva do PT2030.

A Cristalmax, empresa com atividade na indústria do vidro, anuncia em comunicado a renovação da política de investimento produtivo através da candidatura à nova linha do Sistema de Incentivos à Competitividade Empresarial na tipologia de Inovação Produtiva do PT2030.

Depois da corrida ao PT2020, a empresa anuncia agora a apresentação de uma nova candidatura à nova linha do PT2030, e está posicionada para continuar a sua trajetória de crescimento e desenvolvimento, mantendo-se na vanguarda da indústria de transformação de vidro para a construção civil.

Esta é uma operação que conta com o apoio da Capitalizar, consultora fiscal e financeira.

Desde 2017, a empresa transformadora de vidro já angariou mais de um milhão de euros em benefícios fiscais.

“Ao longo dos últimos anos, a Cristalmax – apoiada pela consultora Capitalizar, especializada em incentivos financeiros e benefícios fiscais – tem impulsionado a sua capacidade de expansão, reforçando sempre o seu compromisso com a inovação e o crescimento sustentável”, lê-se no comunicado.

A Cristalmax diz que “nos últimos anos, de entre os múltiplos investimentos realizados, destaca-se o projeto ao SI Inovação do PT2020, em 2020, que representou um investimento de aproximadamente 1,3 milhões de euros”. Este projeto beneficiou de um incentivo não reembolsável de cerca de 290 mil euros, bem como de um empréstimo garantido bonificado no mesmo montante, acrescenta.

O projeto permitiu à empresa incrementar o seu processo produtivo com a adoção de tecnologias de ponta e capital humano qualificado e especializado. “Isso permitiu um aumento da capacidade produtiva com uma dinâmica de inovação e capacidade de antecipação e acompanhamento das tendências do mercado”, refere ainda.

A empresa beneficiou, simultaneamente, de mais de 1 milhão de euros em crédito fiscal, desde 2017, através do recurso ao Regime Fiscal de Apoio ao Investimento, operação conduzida pela Capitalizar.

“Para a Cristalmax e para a Capitalizar, esta é uma parceria de sucesso, com marco na vanguarda da inovação”,  diz André Lopes, Partner da Capitalizar que acrescenta que “esta renovação do investimento produtivo em atividades inovadoras é um evidente testemunho da visão e do compromisso da Cristalmax no alcance da excelência”.

Já Ana Margarida Silva, Chief Financial Officer (CFO) da Cristalmax, destaca que “esta renovação representa um passo importante em direção a um futuro mais brilhante e inovador para a Cristalmax.”

Jornal Económico, 27 de novembro de 2023.

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin